HydroLANDSCAPE: Preenchimento automático de áreas com aspersores

Autor: Inácio Arantes M. P. Júnior - Data: 14/12/2014

O HydroLANDSCAPE possui várias opções para inserção dos aspersores no projeto, uma opção bastante interessante é o preenchimento automático.

Existem duas opções de preenchimento automático:



O resultado dos dois processos é semelhante, porém o método para se obter cada um é diferente.

Preenche PLINE:

Selecionando esta opção o HydroLANDSCAPE irá solicitar a seleção de uma PolyLine no CAD, que já deverá estar desenhada para que o preenchimento seja possível.

Preenche c/BOUNDARY:

A opção de preencher com BOUNDARY utiliza internamente um comando no CAD para obter o polígono (PLINE) que define uma área fechada no desenho. Funciona de forma semelhante ao processo de inserir hachura no CAD e possui algumas limitações:

1) A área deve estar completamente fechada para que o comando funcione, aproxime o zoom para encontrar "furos" entre suas linhas.

2) O AutoCAD pode demorar muito para identificar a forma da área dependendo da quantidade de linhas e objetos que estão visíveis na tela. Congele os layers desnecessários e aproxime o zoom o máximo possível para que o comando funcione mais rápido.

3) Não é possível utilizar este comando com formas orgânicas baseadas em SPLINE. Caso seja preciso utilizar formas orgânicas você deve desenhar um polígono com vários segmentos de reta.


Configurações:

Na tela de configuração do HydroLANDSCAPE, na aba Desenhos, você pode escolher o percentual de tolerância e a distância do offset. Estes valores influenciam o resultado final do preenchimento:

O valor de Offset define a distância que os aspersores serão desenhados fora da borda do polígono. Este afastamento é útil para que os aspersores não sejam desenhados sobre paredes ou muros e para que a linha das tubulações não fique sobreposta a linha da borda de um canteiro, dificultando sua visualização.



O valor de tolerância define a variação aceitável de sobreposição de dois aspersores. Alterando a tolerância os aspersores poderão ficar mais próximos ou mais afastados quando o programa preencher uma área.

Por exemplo, caso o espaçamento definido seja 5m entre dois aspersores e a distância total entre dois pontos seja 11m o programa irá tolerar a variação de 10% posicionando os aspersores com 5,5m entre eles. Caso a distância entre os pontos extremos seja 13,5m e a tolerância 10%, o programa ira posicionar 3 com distância de 4,5m.


Observações:

O preenchimento automático é uma tentativa do programa e o posicionamento final deve ser revisado pelo projetista. O software deve ser encarado como um facilitador ao projetista, o software não faz o projeto nem tem a pretensão de acertar a distribuição em todas as situações.

Por exemplo:

No desenho abaixo o HydroLANDSCAPE fez automaticamente a disposição da esquerda e o projetista ajustou para a disposição da direita:



Compartilhar:


Anterior Próximo

Softwares para paisagismo e irrigação.

Comentar
Nome:
E-mail:
Comentário:
Avalie está matéria:



---
Entrevista
MB Flores: O Jardim do Coração, Jardim da Família!
MB Flores: O Jardim do Coração, Jardim da Família!

Gostaríamos de destacar o trabalho que fizemos na Expoflora 2014, criando um jardim conceitual de muita beleza e encantamento

Dicas Técnicas
HydroLANDSCAPE: Preenchimento automático de áreas com aspersores
HydroLANDSCAPE: Preenchimento automático de áreas com aspersores

Confira como configurar o preenchimento automático de áreas com aspersores utilizando o HydroLANDSCAPE

PhotoLANDSCAPE: Mais Ferramentas para Auxiliar a Inclusão de Fotos
PhotoLANDSCAPE: Mais Ferramentas para Auxiliar a Inclusão de Fotos

Incríveis recursos lhe esperam no tratamento de imagem no programa de fotomontagem de paisagismo, PhotoLANDSCAPE 2016!

AutoLANDSCAPE: Novas formas de trabalhar com desenhos
AutoLANDSCAPE: Novas formas de trabalhar com desenhos

Conheça as novas funções do AutoLANDSCAPE voltadas para desenhos

Ecologia
A NATUREZA DE MANAUS ESTÁ DESAPARECENDO
A NATUREZA DE MANAUS ESTÁ DESAPARECENDO

Expulsa dos buritizais nativos (apagados do mapa da cidade por estradas e condomínios), esta ave é maltratada, atropelada, escorraçada

Novidades
AuE Paisagismo de cara nova
AuE Paisagismo de cara nova

Veja a cara nova da revista AuE Paisagismo

Notícias
Revendo nossos entrevistados de 2014
Revendo nossos entrevistados de 2014

Depoimentos de nossos clientes que contam como a tecnologia Aue Paisagismo mudou o seu trabalho, trazendo eficiência e rapidez!

Arquivo
Edição Anterior

Revista AuE Paisagismo Ano 11 No 127 / Dezembro de 2014

Conteúdo completo

Lista com todas as Edições da Revista Paisagismo Digit@l

Top 10

Matérias mais comentadas da revista

Projetos
Projeto em um sítio

ALESSANDRA VILLELA PAISAGISMO LTDA - ME

Lista de Projetos

Lista com Todos os Projetos da Revista Paisagismo Digit@l

Top 10 de Projetos

Lista com 10 projetos mais comentados

Agenda
Agenda

Agenda de Eventos de Paisagismo

Conversar no Whatsapp

X

Revista gratuita AuE Paisagismo


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!




Revista no seu E-mail

*
*
*